Conheça apps que facilitam a identificação de ansiedade e depressão

Medo persistente, angústia, luto, negação. Segundo o psicólogo, psicanalista e professor da USP, Christian Dunker, são essas as quatro principais reações básicas ligadas ao impacto do isolamento social na saúde mental.

O isolamento social pode intensificar ou até mesmo ocasionar algumas doenças mentais como a depressão e a ansiedade. Separamos algumas ferramentas que podem auxiliar a identificar sintomas que apontem a necessidade de tratamento médico ou até mesmo trazem formas leves de amenizar as consequências da rotina de isolamento social.

Confira abaixo:

  • A Elsevier criou ferramenta de triagem de ansiedade e depressão  —disponível apara pacientes, médicos e público em geral acima dos 13 anos de idade.  O site também disponibiliza diversas dicas de saúde como informações para melhorar a qualidade do sono e realizar exercício de forma saudável.
  • Buddihfy: app que fornece soluções baseadas em meditações diárias, com o diferencial de ter sido projetada para pessoas com rotinas muito corridas, que não conseguem encontrar tempo para meditar.
  • Happify: aplicativo que carrega diversas atividades, exercícios e jogos rápidos, desenvolvidos por especialistas em psicologia cognitivo-comportamental, para aumentar os níveis de felicidade. As estratégias oferecidas são comprovadas cientificamente, e seus desenvolvedores afirmam que 86% dos usuários se sentem mais felizes em dois meses de utilização do programa. 

 

*A Bayer não tem parceria ou se responsabiliza pelos serviços citados e prestados por terceiros.

<< voltar para Covid-19